As mulheres vendedeiras nalguns mercados do país queixam da falta do peixe para poder abastecer os mercados. Segundo as mesmas, já não há peixe onde costumam comprá-los.

A reportagem da Rádio Sol Mansi pôde constatar no mercado a falta de peixe para o consumo.

Entretanto, a Rádio Sol Mansi tentou igualmente junto do ministério das Pescas saber dessa dificuldade e acabou por descobrir que há peixe nas empresas privadas mas com preços diferentes a que as vendedeiras costumam comprar na empresa pública de distribuição de peixes.

Segundo o director-geral de Pesca Industrial Carlos Nelson Sanó, a escassez tem a ver com a falta de peixe da empresa chinesa Haifen que é comercializado num preço mais acessível em relação ao de empresas privadas.

“ Na verdade é que as descargas dos peixes estão e ser efectuadas por algumas empresas, o que acontece é que os preços não são iguais”, diz para depois reforçar que quando a empresa haifen trouxer os pescados, o estado os vende num preço mais barato o que cria de certa forma uma concorrência e quando haifen demora a chegar, as mulheres ficam desmoralizadas.

Por outro lado, garantiu que os navios já estão a efectuar a descarga para poder abastecer os mercados.

“ Ao longo deste dia, diferentes empresas que estão a operar no sector das pescas em função das suas obrigações, já estão a efectuar as descargas para obedecer as normas. Não temos navios nacionais que operam e que podem fazer a descarga total no país. É essa a razão da nossa dificuldade em termos de abastecimento dos mercados com pescados”, reconheceu.

A rádio Sol Mansi soube que os peixes da empresa chinesa custam 9 mil francos cfa enquanto nas empresas privadas, são 22 mil francos cfa.

Por: Nautaran Marcos Có

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più