O Director-geral das Infra-Estruturas do Ministério das Obras Publicas, confirma o início das obras de reabilitação da estrada que liga Bissau-São domingos.

Num encontro com jornalistas esta terça-feira (2 de julho), Osvaldo Abreu, revelou que a execução deste trabalho foi possível graças a um empréstimo ao banco no valor de 1.5 bilhões de francos CFA.

“Pedimos 1.5 bilhões de francos CFA e neste momento pensam disponibilizar cerca de 500 (quinhentos milhões). Neste momento, estamos só a trabalhar com fundos do Fundo Rodoviária mas, o banco garante que entre três ou quatro dias vamos ter a outra parte. Temos contrato feito e os trabalhos entre Aeroporto à Safim já arrancou e amanhã inicia retunda de 2ª esquadra à SOS e a nível de Safim também possivelmente ainda esta semana podemos iniciar”, explica.

O responsável diz ainda que fizeram o pedido de empréstimo ao banco no passado mês de Fevereiro “mas por questões burocrática de banco, só agora f disponibilizarem uma parte”.

Por seu lado Director Geral das Obras Publicas, Oliveira Nhurque Nhanque, garantiu o início esta quarta-feira das obras de reabilitação das estradas de Bissau, nomeadamente, estrada Sintra à Bissack.

“ Neste momento classificamos todas as zonas mais crítico e reforçamos terraplenagem e pedras para puderem aguentar até final da chuva depois disso, vamos avançar com parte de alcatrão”, sustentou.

“ Mesmo assim vamos trabalhar Safim-Jugudul, Gabú-Pirada, Tanta- Cosse- Cambadju. Esses são pontos mais críticos para garantir durante esse período de chuva. Amanhã (quarta-feira) inicia de 2ª esquadra à estrada de granja depois continuar de SOS até Bairro Militar”, explica.

De referir que a associação dos motoristas exortou na semana passada aos seus associados, a abdicarem do pagamento do fundo rodoviário até que as diferentes estradas do país sejam melhoradas.

Pela: Redacção/ Bíbia Marisa Pereira    

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più