A Confederação Geral dos Sindicatos Independentes da Guiné-Bissau, ameaça sair às ruas, nos próximos dias, exigindo do Governo o pagamento de salários do Mês de Março, aos funcionários públicos 

Na conferência de imprensa realizada esta terça-feira, o Secretário-geral da Confederação, Malam Ly Balde, disse que a confederação já tentou várias diligências junto do governo, mas, no entanto, acusa Aristides Gomes de não saber dialogar.

“Nos próximos dias vamos convocar uma manifestação a nível nacional exigindo pagamento de salário à todos os funcionários de Estado sem excepção, vamos fazer mais não vamos estipular uma data. Na verdade este governo não é dialogante tentamos vários pontos que fizemos grandes esforços para poder ter contactos com o governo mas praticamente nada aconteceu”

Malam Ly chama atenção ao novo governo de Domingos Simões Pereira a fazer do diálogo a arma de combate de solução de todos os problemas.

“O próximo governo para fazer diálogo como a arma de combate de solução de todos os problemas a nível de funcionários de Guiné-Bissau, vemos que o governo de Aristides Gomes não está empenhado e nunca está interessado na convocação de concertação social. É um órgão morto. Há dias começamos a ouvir problemas dos sindicatos dos Professores que entregaram um novo pré-aviso de greve, porque é resultado do não cumprimento da vontade por parte do governo de memorando como adenda não foram assinados”

Para a confederação os professores têm “pleno razão em entrar com um novo pré-aviso” e, no entanto, e também vamos pedir próximo governo para pensar “seriamente” na harmonização de tabela salarial.

 

Por: Elisangila Raisa Silva dos Santos / Bíbia Mariza Pereira

Imagem: Bíbia Mariza Preira

 

Podcast

podcast

Escute quando quiser as emissões da Rádio Sol Mansi.

 

 

 

Ouvir

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più