SINJOTECS LAMENTA FORMA COMO JORNALISMO ESTÁ A SER EXERCIDO NOS ÚLTIMOS 5 ANOS NO PAÍS

SINJOTECS LAMENTA FORMA COMO JORNALISMO ESTÁ A SER EXERCIDO NOS ÚLTIMOS 5 ANOS NO PAÍS

A presidente do conselho nacional do Sindicato dos Jornalistas e Técnicos de Comunicação Social (SINJOTECS), disse que nunca é visto antes, a forma como está a ser exercido o jornalismo nos últimos 5 anos no país

INSTITUTO DA MULHER E CRIANÇA EXIGE JUSTIÇA CONTRA O VIOLADOR SEXUAL DE MENOR

INSTITUTO DA MULHER E CRIANÇA EXIGE JUSTIÇA CONTRA O VIOLADOR SEXUAL DE MENOR

O Instituto da Mulher e Criança, a Rede Nacional de Luta Contra a Violência (RENLUV), a Liga Guineense dos Direitos Humano (LGDH) e a Associação dos Amigos das Crianças (AMIC) exigem da justiça a imediata revogação da suspensão da medida de coacção inicialmente aplicada e prisão preventiva a um...

MULHERES GUINEENSES CONTINUAM A MORRER NO PARTO

MULHERES GUINEENSES CONTINUAM A MORRER NO PARTO

O Fundo das Nações Unidas para a população na Guiné-Bissau (FNUAP) revela que dos cem mil (100.000) nascidos vivos correspondentes aos 22 por cento morrem novecentos (900) de necessidades não satisfeitas de Planeamento Familiar.

GOVERNO DISSE QUE TRATAMENTO DE PALUDISMO ACARRETA CUSTOS DEVASTADORES À ECONOMIA NACIONAL

GOVERNO DISSE QUE TRATAMENTO DE PALUDISMO ACARRETA CUSTOS DEVASTADORES À ECONOMIA NACIONAL

A ministra da Saúde Pública, Magda Robalo Correia e Silva, disse, hoje (24 de Janeiro), que o paludismo continua a ter a consequência devastadora na saúde e na economia das pessoas nos países que são afectados por este flagelo

PRESIDENTE DO PARLAMENTO REÚNE COM CNE E STJ SOBRE O PROCESSO ELEITORAL

PRESIDENTE DO PARLAMENTO REÚNE COM CNE E STJ SOBRE O PROCESSO ELEITORAL

O presidente do Parlamento da Guiné-Bissau, Cipriano Cassama, reuniu hoje (24 de Janeiro), individualmente, com o presidente da Comissão Nacional de Eleições (CNE), José Pedro Sambú e o presidente do Supremo Tribunal de Justiça (STJ), Paulo Sanhá.

  • SINJOTECS LAMENTA FORMA COMO JORNALISMO ESTÁ A SER EXERCIDO NOS ÚLTIMOS 5 ANOS NO PAÍS

    SINJOTECS LAMENTA FORMA COMO JORNALISMO ESTÁ A SER EXERCIDO NOS ÚLTIMOS 5 ANOS NO PAÍS

    Friday, 24 January 2020 16:50
  • INSTITUTO DA MULHER E CRIANÇA EXIGE JUSTIÇA CONTRA O VIOLADOR SEXUAL DE MENOR

    INSTITUTO DA MULHER E CRIANÇA EXIGE JUSTIÇA CONTRA O VIOLADOR SEXUAL DE MENOR

    Friday, 24 January 2020 16:47
  • MULHERES GUINEENSES CONTINUAM A MORRER NO PARTO

    MULHERES GUINEENSES CONTINUAM A MORRER NO PARTO

    Friday, 24 January 2020 15:04
  • GOVERNO DISSE QUE TRATAMENTO DE PALUDISMO ACARRETA CUSTOS DEVASTADORES À ECONOMIA NACIONAL

    GOVERNO DISSE QUE TRATAMENTO DE PALUDISMO ACARRETA CUSTOS DEVASTADORES À ECONOMIA NACIONAL

    Friday, 24 January 2020 14:55
  • PRESIDENTE DO PARLAMENTO REÚNE COM CNE E STJ SOBRE O PROCESSO ELEITORAL

    PRESIDENTE DO PARLAMENTO REÚNE COM CNE E STJ SOBRE O PROCESSO ELEITORAL

    Friday, 24 January 2020 14:54

O Tribunal Regional de Bissau ordenou, hoje, segunda-feira, a suspensão imediata da deliberação que decretou a perda de mandatos dos 15 deputados da nação da bancada parlamentar do PAIGC.

Sem audiência previa da requerida, bem como ordenada a retirada de quaisquer terceiros dos lugares que, na assembleia nacional popular, são destinados a eles e comunicada ao Comissariado Geral da Polícia de Ordem Pública, através do secretário do estado de segurança, a decisão do tribunal, solicitando a sua colaboração no cumprimento da mesma.

A ordenação surgiu através de um despacho 43/2016 emitido pelo juiz de Direito, Lassana Camará, da vara civil do Tribunal Regional de Bissau, na sequência de previdência cautelar emitido pelo advogado dos três deputados pertencentes a comissão permanente da Assembleia Nacional Popular.

Entretanto deu-se como procedente a providência cautelar intentada pelos deputados Abel da Silva, Adulai Baldé e Amido Keita, isto é, em nome dos 15 deputados do Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde (PAIGC)

Por solicitação do PAIGC, que os havia expulsado da condição de militantes, 15 deputados foram substituídos no Parlamento depois de se terem posicionado contra o programa do Governo, numa deliberação tomada pela comissão permanente da ANP a 15 de Janeiro.

Deste então a situação agravou-se no parlamento e o Presidente tem vindo a promover encontros entre as partes desavindas, assistidos pela comunidade internacional, Sociedade Civil e pela Liga Guineense dos Direitos Humanos.

 

Escreva à RSM

email 

Entre em contato com a Rádio Sol Mansi.

Continuar

Ajuda RSM

helpContribua para a manutenção dos nossos equipamentos e a formação da nossa equipa.

Ajuda

Questo sito fa uso di cookie per migliorare l’esperienza di navigazione degli utenti e per raccogliere informazioni sull’utilizzo del sito stesso. Leggi di più